A primeira confraria de vinhos do Brasil
fundada em 1980


A Sardenha e seus Vinhos

Sardinian-Wine-Map

A Ilha da Sardenha, na costa oeste da Itália, oferece vinhos distintos a preços convidativos. Tanto os tintos (especialmente os da uva Cannonau) quanto os brancos ( principalmente os saborosos Vermentino) são excelentes. Até mesmo as variedades mais familiares atingem um caráter único como resultado do forte sol da Sardenha e do severo vento do norte, o Scirocco. Apesar de um pouco rústicos, vale a pena se aventurar pelos vinhos sardos.

Variedades tintas:

  • Cannonau:
Mais conhecida no resto do mundo como Grenache, uma excelente casta para os fãs de vinhos com fruta intensa. A Cannonau oferece vinhos bastante frutados ( principalmente framboesas e cerejas), com notas de café, licor e chocolate, além de baixa acidez e uma leve especiaria.
A Cannonau também produz excelentes e encorpados rosés secos. Para os vinhos de melhor qualidade, procure as seguintes sub-zonas de Cannonau di Sardegna DOC: Capo Ferrato, Jerzu e Oliena.
  • Carignano:
Vinhos derivados da variedade Carignano ( a mesma Carignan do sul da França), são conhecidos por sua cor púrpura bastante escura, altos níveis de taninos e uma adstringência cortante. São claramente os mais potentes tintos sardos, bastante rústicos. Os Carignanos da DOC Sulcis são uma exceção a essa regra, exibindo características intensas, porém com classe e sofisticação.
  • Monica:
Uva de médio corpo encontrada no sul da Sardenha. Seus vinhos tem notas aromáticas  de amoras, cerejas e menta.
Os vinhos dessa variedade costumam ser profundos e complexos. Os Monica da DOC Cagliari são de boa qualidade.
Variedades Brancas:
  • Nuragus:
A Nuragus produz vinhos ácidos, com sabores de maçã verde e amêndoas, lembrando um pouco a Verdejo espanhola. Ideal para pratos simples de frutos do mar. Os melhores são da DOC Cagliari.
  • Torbato
De baixíssima produção, a Torbato ( chamada de Tourbat na França), é a estrela sub-valorizada da Sardenha. Os vinhos dessa casta lembram a Vermentino em seus aromas intensos, porém são mais intensos e estruturados. É um grande branco que vale a pena provar.
  • Vermentino:
A Vermentino é a mais famosa uva branca da ilha. Muito aromática, com sabores de abacaxi, notas  de sálvia e erva doce, boa mineralidade e relativa baixa acidez. Apesar da Vermentino ser plantada na Ligúria ( sua expressão mais delicada) e na Toscana, certamente ela atinge mais riqueza e concentração na zona de Gallura, na Sardenha.
Outras duas bebidas alcoólicas produzidas na Sardenha são o Mirto (um licor de blueberry), e a ferru ( uma grappa)

PopUpNewsletterSBAVSP

Cadastre o seu e-mail para receber as notícias da SBAV-SP.

Por favor, assinale: